Literatura Mútua

literatura-mutua

Literatura Mútua: conversas entre autores-leitores

Antes de ser escritor, pressupõe-se que o sujeito é um leitor. De letras, livros, números, cenas, paisagens. Mundo. O olhar que a leitura suscita é o que interessa a esta série de encontros entre pessoas que escrevem, tendo seus textos publicados em livros ou na internet, não importando o suporte, mas a experiência de ler, escrever e ser lido. Nesse sentido, a projeto Literatura Mútua promove rodas de conversas entre escritores comentando experiências de leitura e escrita com o público em equipamentos culturais e escolas de São Luís-MA. A entrada é gratuita e a mediação é da jornalista e escritora maranhense Talita Guimarães.

“Uma das diretrizes primordiais do Literatura Mútua é viabilizar ambientes de escuta e partilha para que leitores e autores compartilhem experiências de leitura e escrita.”, explica Talita, jornalista responsável pelo projeto. As rodas de conversa reúnem autores que são antes de tudo leitores. “A ideia é promover encontros em que autores comentem como a leitura atravessa suas percepções humanas e influencia em seus trabalhos. Assim, eles compartilham quais livros foram marcantes em suas trajetórias, leem seus trechos preferidos, trocam indicações de leitura com o público e incentivam o hábito de ler. Além, é claro, de falarem sobre seus trabalhos como criadores.”, explica Talita. Durante a conversa, o público pode interagir com perguntas e comentários, além de adquirir os livros dos convidados e concorrer a exemplares em sorteio.

LITERATURA MÚTUA – Projeto literário sem fins lucrativos, idealizado pela escritora e jornalista maranhense Talita Guimarães, que visa reunir escritores contemporâneos publicados ou não, em rodas de conversa mensais sobre experiências de leitura e escrita.

Em 2016, o Literatura Mútua promoveu onze edições entre agosto e dezembro na Galeria Trapiche (Av. Vitorino Freire, Praia Grande) e na Feira do Livro de São Luís –FeliS (Centro Histórico de São Luís-MA). A primeira temporada do projeto contou com edições com os escritores: Felipe Castro (MA), Sabryna Mendes (MA), Jônatas (MA), Júlia Emília (MA), Thalita Rebouças (RJ), Ferréz (SP), Duda Veloso (MA), Igor Nascimento (MA), Gustavo Lacombe (RJ), Zema Ribeiro (MA) e Manu Marques Barbosa (MA).

Em 2017, além da Galeria Trapiche o projeto ampliou atividades com edições mensais sendo realizadas também na Biblioteca Municipal José Sarney (Rua do Correio, s/n – Bairro de Fátima), na Livraria e Espaço Cultural da Associação Maranhense de Escritores Independentes – AMEI (São Luís Shopping – Av. Carlos Cunha, Jaracati) e em visitas agendadas a escolas, como o Centro de Ensino São Cristóvão (Av. Guajajaras – Tirirical).

Esta segunda temporada, prevista para ocorrer entre janeiro e dezembro, conversa com Laísa Couto (MA), Elizeu Cardoso (MA), Aurora da Graça (MA), Dyl Pires (MA), Beto Scanssette (DF), Jaqueline Morais (MA), Déa Alhadeff (MA), Lúcia Santos (MA), Fernando Abreu (MA), Jorgeana Braga (MA), Frederick Brandão (MA), Sharlene Serra (MA), Rose Panet (PB) e Júnior Lobo (MA). 

CHAMADA PÚBLICA – Em abril de 2017, o Literatura Mútua abriu uma chamada pública em sua página no Facebook em busca de mulheres maranhenses ou residentes no estado que produzem Histórias em Quadrinhos. Nesse sentido, procuram-se roteiristas, desenhistas e ilustradoras publicadas ou não para rodas de conversa sobre experiências de leitura e criação. O objetivo do levantamento é identificar as artistas e seus perfis de criação (interesses temáticos, gêneros, influências e técnicas).

A chamada segue aberta através de formulário online hospedado no Google Formulários no link:

https://docs.google.com/forms/d/1Xgi339xJlhTjnYheW2VIjsQ5d7zIAfexPClAmpYMu6M/edit

TALITA GUIMARÃES – Nasceu em São Luís-MA (1989), é jornalista e escritora. Autora de Recorte! (2015) e Vila Tulipa (2007), agraciado com Prêmio Odylo Costa, Filho no XXX Concurso Literário e Artístico Cidade de São Luís em 2006. Edita o site Ensaios em Foco, escreve e ilustra crônicas às quintas-feiras para o Armazém de Cultura (www.armazemdecultura.com) e desenvolve projetos para Cinema e TV Pública em São Luís-MA, onde reside. 

Agenda LM 2017.ATUAL

 

Literatura Mútua reúne mulheres que produzem e pensam quadrinhos em roda de conversa com roteiristas, desenhistas e pesquisadores na FLAEMA

Literatura Mútua reúne mulheres que produzem e pensam quadrinhos em roda de conversa com roteiristas, desenhistas e pesquisadores na FLAEMA

O primeiro encontro da agenda de aniversário do Literatura Mútua na FLAEMA será a aguardada conversa com as quadrinistas maranhenses identificadas por chamada pública aberta pelo projeto em abril de 2017. O Encontro de Mulheres Quadrinistas será realizado no sábado...